segunda-feira, 18 de agosto de 2008

o peso dos sentimentos

E no domingo sou contagiada pela letargia da minha vida que se escorre lenta pelos buracos que permeiam os átomos. Um clima de desalento e desencanto preenche a minha casa e eu queria estar longe daqui. Queria poder me juntar aos vazios dos átomos para que também minha amargura fosse feita de imaterial e eu não a sentisse mais.
Os sentimentos carregam o peso da matéria.

3 comentários:

BULHUFAS disse...

Demasiadamente iluminada, não como estamira, mas apenas lhe falta um grande editorial a descobrir e transcenderás!

Dézinho disse...

Eu acho que é bem o contrário... A matéria carrega o peso dos sentimentos...

treta disse...

bulhufas! não sei se um editorial adiantaria. jornalistas enganam mto bem.

dé... pode até ser, mas não nesse caso. os sentimentos estavam tão pesados q pareciam em estado sólido...

:-)